Damas e Pajens

Qual a diferença entre daminha e florista?

Algumas pessoas acreditam que daminhas e floristas são a mesma coisa. Além de serem tarefas diferentes, não existe a obrigação de usar as duas na cerimônia de casamento.
Agrande maioria das cerimônias é composta por daminhas e floristas. Esses papéis devem ser feitos por crianças preferencialmente mais extrovertidas e não tão pequenas. A idade ideal seria acima dos 4 anos, pois as mais novinhas geralmente desistem na hora h ou criam problemas no momento da entrada. Porém, claro que existem as exceções.

Antes de começar a recrutar todas as crianças da família e acabar montando um jardim de infância pra entrar com você na igreja, pense se realmente há necessidade de ter tanta criança assim na cerimônia. Mesmo os usados dois grupos de daminhas entrando no altar não são assim tão necessários.

Há noivas que acham isso meio protocolar, mas a verdade é que este número não é oficialmente obrigatório.

Outras, já acham que um casal extra, no final da cerimônia, como floristas,  dá um charme especial e confere uma música a mais na cerimônia, o que diferencia um pouco das outras. O mesmo pode-se afirmar do pajem e da dama. Há famílias que não possuem crianças em número suficiente para todo esse elenco, que incluem outros membros nestes papéis, como avós ou outras pessoas para levá-las ao altar ou deixá-las com o celebrante. É um jeito de homenagear também o membro da família escolhido, que ficará emocionado em participar mais ativamente da cerimônia de seu ente querido.

Ideias fofas para entrada de daminhas e pajens

Florista

Em termos de florista, é sabidamente notório que as meninas entram para anunciar a chegada da noiva. Ponto.

Tradicionalmente, devem usar uma cesta com pétalas de flores, que vão jogando pelo caminho, enfeitando o local por onde a noiva deve passar até o altar.

Em algumas cerimônias as floristas entregam ramos de flores aos convidados ou usam placas divertidas com frases como: Lá vem a Noiva, Tio não foge, Ai vem o amor da sua vida, etc. 

Outra sugestão, bonita, é colocar as crianças levando algo especial para os noivos, que pode ser um acessório alternativo como um urso de pelúcia, um carrinho, balões. Muito fofo.

Daminhas 

As daminhas entram após a noiva e levam as alianças, junto com o pajem ou não.

O tradicional é levar as alianças numa almofadinha toda trabalhada para este fim.  Porém, nada impede que a entrega das alianças seja feita de outra forma. Pode-se usar uma caixinha, um livro ou outro acessório. Há gente que, para dar um ar lúdico ao casamento, deixa que as crianças entrem em carrinhos. Por incrível que pareça, isso existe. Tomara que elas dirijam bem né…

 

Quantidade ideal 

Tanto para as floristas quanto para as daminhas, não existe uma quantidade oficialmente estipulada. Cada um coloca quantos quiser. O ideal é não passar de quatro crianças por etapa, dando um total de oito na cerimônia toda. Mais que isso já vira jardim de infância na hora do recreio; um exagero.  Se quiser colocar só uma florista e uma daminha, não há problema algum.

Só lembrando que em outros países esse papel de dama de honra é exercido pelas amigas da noiva, adultas (claro!), a moda dos casamentos americanos, como você certamente já viu nos filmes.

Ainda sobre esse caso dos adultos, saiba que optar por compor casais de padrinhos sem vínculo entre si é uma prática relativamente comum. Se o melhor amigo do noivo começou a namorar agora e você não tem intimidade suficiente com a nova namorada para que ela seja sua madrinha, é só convocar uma amiga para compor o par com ele. Sem complicações.

 

Gostou das dicas? Esperamos que este post tenha sido útil a você. Só não imite aquela história dos carrinhos táh… não nos responsabilizamos por atropelamentos no altar ou desabamentos na decoração…