fbpx
assinatura casamento no civil
Cerimônias

Casamento no civil: passo a passo para um evento perfeito!

Casamento no civil também tem o seu charme. Confira minhas dicas com tudo que você precisa para organizar um casamento no cartório.

Chegou a hora de você e seu amor juntarem as escovas de dentes? Então, é o momento de pensar na formalização desta ocasião tão especial na vida de vocês! Que tal planejar um casamento no civil? Pode ser uma ideia muito bacana, viu?

Acompanhe no post de hoje tudo o que você precisa saber para tomar esta decisão e começar a organizar o seu casamento no civil.

Casando só no civil? Veja dicas para comemorar sem gastar muito!

Como funciona o casamento no civil?

1. Tipos de regime de bens

Antes de ir ao cartório dar entrada nos papéis, você e seu noivo precisam decidir em qual regime de bens será o casamento. Vocês têm 4 opções:

  • Comunhão parcial de bens: quando todos os bens adquiridos após o casamento serão comuns ao casal.
  • Comunhão total de bens: quando todos os bens do casal, incluindo aqueles adquiridos anteriormente ao casamento, serão comuns aos noivos.
  • Separação total de bens: quando não há bens comuns ao casal, pois, aqui, cada um ficará com a propriedade dos seus bens – tanto os adquiridos antes como os adquiridos após o casamento.
  • Participação final dos aquestos: quando também há separação de bens, mas, no caso de divórcio, os bens adquiridos durante o casamento serão partilhados igualmente.

2. Documentos necessários para o casamento no civil

No caso de casamento por comunhão ou separação total de bens, o primeiro passo é se dirigir a um Tabelionato de Notas para fazer uma escritura. Para os demais, essa etapa pode ser pulada.

Para dar entrada ao casamento civil no cartório, os noivos precisam apresentar a certidão de nascimento atualizada e um documento de identificação com foto (RG, CPF, Carteira de Motorista, etc.), na presença de duas testemunhas (no caso, os padrinhos).

É importante atentar ao prazo, pois os noivos precisam ir até o cartório com, no mínimo, 30 dias de antecedência à data de casamento pretendida. Ainda, o cartório precisa ser o mais próximo à residência possível, pois é obrigatório que a entrada seja dada no local de moradia.

3. A cerimônia de casamento no civil

Muitos questionam se é mesmo preciso casar no cartório e, outros, se podem apenas casar no civil. A resposta é que existem 4 “modalidades” diferentes, que você pode escolher conforme preferência.

A primeira é o que chamamos de casamento no cartório, que é aquele celebrado no próprio cartório, pelo juiz e o escrevente – considerada o formato convencional.

A segunda é o casamento religioso com efeito civil, que acontece quando a autoridade religiosa escolhida pelo casal realiza o processo civil dentro da própria cerimônia. Neste caso, no momento de dar entrada aos papéis do casamento, os noivos precisam, também, levar ao cartório um requerimento da igreja, assinado e reconhecido pelo celebrante, falando que o casamento será com efeito civil.

A terceira é o chamado casamento em diligência, que acontece quando o juiz de paz e um escrevente vão até o lugar que os noivos escolhem para realizar o casamento.

A última é a conversão de união estável em casamento, que ocorre quando já existe uma relação de convivência entre o casal, mas não há a celebração do casamento.

4. Quanto custa o casamento no civil?

Os valores variam um pouco conforme o tipo de cerimônia escolhida e, também, de acordo com a sua região. Como média, você pode se basear nos seguintes valores:

  • Casamento civil em cartório: em média, R$ 394,00
  • Casamento religioso com efeito de casamento civil: em média, R$ 394,00
  • Casamento em diligência: em média, R$ 1.287,00
  • Conversão de união estável em casamento civil: em média, R$ 394,00

5. Quem convidar para o casamento no civil?

A lista de convidados depende do tipo de cerimônia que você escolher. Se for no cartório, por exemplo, você pode convidar apenas os padrinhos e seus pais. É um momento simples e rápido.

Se for uma cerimônia maior, fora do cartório, pode optar por uma lista de convidados um pouco maior. Mas, a dica é que você convide aquelas pessoas que são bem próximas ao casal. É um evento íntimo e que não precisa ser aberto para todo mundo!

6. O que vestir em um casamento no civil?

Casamentos no civil não exigem muitas pompas e exageros. Os trajes dos noivos podem ser mais simples e clássicos. Para a noiva, vale um vestido com um bom corte, de tecido mais encorpado, cor branca e comprimento pouco acima do joelho. Uma maquiagem de cores pastéis e delicadas é uma boa opção, pois valoriza o rosto sem deixar carregado.

Para o cabelo, vale optar pelo mais natural possível – pode ser uma boa escova ou um penteado levemente preso para destacar o rosto. Neste tipo de ocasião, não é obrigatório o uso do buquê, mas, se a noiva desejar ter um, este precisa ser mais prático – de tamanho menor e mais arredondado.

O noivo pode estar um pouco mais à vontade do que em uma ocasião mais formal. O uso do terno é indicado, mas pode ser combinado apenas com uma boa camisa de corte bonito e sem o uso de gravata. As cores estão liberadas, mas fica a dica: as mais clássicas transmitem mais elegância.

7. Casamento no civil tem lista de presentes?

Não há impedimento algum para fazer lista de presentes, mas lembre-se de ser humilde. Nada de grandes exigências, certo? Como é um evento menor, apenas para os mais íntimos, não seja muito exigente quanto aos presentes.

Comece logos os preparativos para o seu casamento no civil. Por mais que seja uma comemoração menor, ela merece toda a sua atenção! Com as minhas dicas, você já está sabendo tudo o que precisa para organizar um evento especial, certo?

Se você tem alguma dúvida ou dica de casamento no civil, lembre-se de deixar um comentário! Até a próxima!

GUIA PARA
NOIVAS SEM TEMPO
O “GUIA PARA NOIVAS SEM TEMPO” irá ajudá-la, de um modo muito fácil, a planejar sua festa de casamento durante o horário de trabalho sem perder em produtividade e, o mais importante, sem perder o emprego!
Promoção Salve a Noiva e JPlay