fbpx
como evitar opiniões em sua festa de casamento
Dicas!

Como lidar com opiniões da família ao planejar o casamento?

Planejar o casamento é uma fase gostosa, mas que requer jogo de cintura para lidar com as opiniões, principalmente da família.

Planejar o casamento é, mesmo, tudo de bom, tirando o fato de que as opiniões vêm, rasantes, de tudo o que é lado, não é mesmo?

É tanta gente dando “pitaco” que você fica enlouquecida – não sabendo para que lado correr!

Tudo bem que você é noiva de primeira viagem, mas isso não significa que terceiros devem mandar no seu grande dia. Mas como lidar com essa pressão? Como sobreviver em meio à loucura das famílias e planejar o casamento sem virar uma noivazilla?

Confira, no post de hoje, dicas que eu preparei para lidar com essas opiniões sem que isso vire uma briga familiar.

1. Controle a situação desde o início

Vocês, como casal, vão precisar controlar a situação desde o início, evitando que as opiniões tomem maiores proporções ao planejar o casamento.

Deixem claro aos familiares que as contribuições são bem-vindas, mas que vocês já são bem crescidinhos! Todos poderão dar suas sugestões, mas a decisão final só pode, mesmo, ser de vocês – lembrem-se de que a festa de casamento simboliza um dos dias mais importantes da vida de um casal, portanto, não deixem que terceiros, por mais queridos e cheios de boas intenções que sejam, atrapalhem esse objetivo!

como evitar opiniões em sua festa de casamento

2. Respire fundo

Não adianta, vocês terão de ser compreensivos e entender que todas essas opiniões são para o “bem” de vocês (mesmo que a prática não represente exatamente isso!).

Por isso, tentem encarar essa situação de forma tranquila, relevando aquilo que vocês não concordam e aproveitando dicas válidas. Amiga: estresse só traz ruguinhas prematuras, então, melhor evitá-lo, né?

3. Ao planejar o casamento, defina bem os papéis

Provavelmente, vocês vão querer ajuda ao planejar o casamento, até porque é legal ter a família ao lado nesse momento importante, mas, como diz a pérola de sabedoria: “ado-a-ado, cada um no seu quadrado”.

Uma ideia bacana, então, para que a ajuda não vire uma imposição, é definir o papel de cada integrante da família, evitando que todo mundo “se meta” em tudo. Por exemplo: a mãe ajuda nas questões do buffet, a irmã com o vestido da noiva, o cunhado na negociação do som, etc. Assim, vocês não deixam de envolvê-los, mas eles ficam com as atividades bem desenhadas!

4. Deixe a insegurança de lado

A insegurança – tão comum entre os noivos! – é um dos fatores que levam à confusão mental na organização do casamento. Por estar nervoso com a ocasião, o casal acaba ficando vulnerável aos palpites alheios e enlouquecendo com a divergência de opiniões.

A dica especial aqui se preocuparem menos com gostos dos convidados e ter em mente que o que importa é a felicidade de vocês. Sem receios: vocês precisam (e sabem, melhor do que ninguém) tomar as decisões certas para o SEU grande dia!

Família é tudo de bom, mas também dá trabalho! É, planejar o casamento com todo esse zunzunzum nos ouvidos não é fácil – ainda mais com toda a pressão do momento. Mas, tendo em mente essas dicas antes de iniciar os preparativos, você vai tirar de letra essa sai justa!

E então, pronta para colocar essas dicas em prática? Você tem algum conselho para ajudar outras noivinhas a não surtarem com as opiniões da família ao planejar o casamento? Conte pra nós aqui nos comentários e até a próxima!

GUIA PARA
NOIVAS SEM TEMPO
O “GUIA PARA NOIVAS SEM TEMPO” irá ajudá-la, de um modo muito fácil, a planejar sua festa de casamento durante o horário de trabalho sem perder em produtividade e, o mais importante, sem perder o emprego!
Promoção Salve a Noiva e JPlay