Gastronomia

Como calcular a quantidade de bebidas em casamentos?

Muitos casais, na hora de comprar as bebidas para o casamento, ficam com muitas dúvidas. A primeira é em que tipo de bebida servir. Se você não quer gastar muito, aposte só na cerveja e bar de caipirinhas.

Claro que esta escolha não depende só de custo. Pode ser que seus convidados prefiram vinho e vodca; daí seu perfil já muda e a cerveja pode ser descartada ou comprada em menor quantidade. Por isso, não basta ter em vista somente o seu gosto pessoal; precisa considerar também o gosto da maior parte convidados. Converse com o distribuidor de bebidas. Ele certamente entenderá muito melhor o que é realmente recomendável e ainda poderá negociar com você a devolução do que não usado no dia.

A vantagem de você mesmo comprar as bebidas, é que dá para ir comprando aos poucos, e fazendo um estoque em casa. Assim, não pesa tanto no bolso!

As opções abaixo são sem o bar de caipirinhas. Como normalmente são contratados a parte, os fornecedores já levam tudo e você não precisa se preocupar com nada.

Open Bar para 100 convidados – recepção de 4 horas 

Champanhe ou Prosecco – 18 garrafas

Vinho tinto -10 garrafas

Vinho branco – 18 garrafas

Cerveja – 2 a 3 caixas

Whisky – 1 a 2 litros

Vodca – 6 litros

Tequila – 1 litro

Brinde com champanhe, para 100 convidados -13 garrafas ( 8 taças por garrafa / 1 taça por pessoa)

Jantar com vinho, para 100 convidados – 40 garrafas (5 taças por garrafa / 2 taças por pessoa)

Jantar com cerveja – 1 garrafa por pessoa (se for servido com vinho 1 garrafa para 2 pessoas)

Jantar com vinho e cerveja para 100 convidados – 25 garrafas de cerveja (1 garrafa de cerveja para 4 pessoas) + 20 garrafas de vinho (1 taça de vinho por pessoa)

 

Para todas as ocasiões adicionar:

Refrigerante – 1 lata por pessoa (350 ml) com outras bebidas – caso seja só refrigerante e cerveja são 2 latas por pessoa. Alguns adicionam suco de laranja; recomenda-se colocar 20%, mas pergunte ao seu distribuidor.

Água mineral 500ml –  1 por pessoa

  • Se o casamento for no verão, o consumo de cerveja será mais alto;
  • No inverno, aumenta o consumo de vinho tinto;
  • Casamento com grande quantidade de jovens, o consumo de bebida alcoólica é maior;
  • Caso sirva um espumante ou frizante, o vinho branco deve ser descartado;
  • Combine com seu fornecedor de devolver o que não for usado. É melhor comprar a mais do que faltar na hora da festa.
Junte-se ao
Uma vez por semana lhe enviaremos nossa seleção de insights, tendências e tudo o que você precisa saber para que o grande dia seja inesquecível!