fbpx
planejar casamento gay
Planejamento

Guia para organizar um casamento gay (homoafetivo)

Como organizar um casamento gay? Veja ideias incríveis para comemorar esse momento tão especial.

Não adianta tentar tampar o sol com a peneira: quando se fala em casamento gay muita gente (ainda) torce o nariz, principalmente as pessoas mais velhas – se bem que várias vovozinhas são mais “prafrentex” que muitos jovens.

Mas esse fato não deve abalar sua decisão de viver plenamente o amor num casamento homoafetivo.

Mas você pode se perguntar: por que escrever sobre preconceito se vim aqui em busca de ideias para meu casamento? Acontece que você pode, até, usar isso para deixar o casório mais descontraído e fazer até o mais conservador dos convidados soltar a franga (no bom sentido).

Continue lendo e veja tudo o que você precisa saber para organizar um casamento gay.

Como preparar a papelada para oficializar a união

Desde 2013, quando o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) publicou uma resolução que garante aos casais homoafetivos o direito de se casarem no civil, juízes e tabeliães ficaram proibidos de se recusar o registro da união civil entre pessoas do mesmo sexo.

E o procedimento para preparar a papelada é idêntico ao dos casais heterossexuais. Como segue abaixo.

Com 30 dias de antecedência da data de oficialização da união, o casal deve comparecer ao cartório, juntamente com suas testemunhas (devem ter mais de 21 anos), para realizar o pedido de habilitação, levando os seguintes documentos:

  • CPF;
  • RG;
  • Certidão de Estado Civil (Certidão de nascimento, para os solteiros; Certidão de Casamento atualizada, com a averbação do divórcio, para os divorciados; ou Certidão de Óbito do cônjuge, atualizadas).

Após essa ida ao cartório, vocês levarão para casa os formulários com as informações dos padrinhos do casamento. Depois é necessário retornar ao cartório com os formulários preenchidos e, finalmente, marcar a data de oficialização da união, e comparecer no dia e horário estabelecidos.

Ideias de cerimônias de casamento gay

Quem entra e quem espera no altar?

A primeira dúvida é quem entra na cerimônia de casamento gau, e quem espera no altar. Há duas possibilidades: vocês chegam a um consenso (quem entra e quem fica no altar) ou entram juntos de mãos dadas — essa costuma ser a forma preferida! Para o primeiro caso, vocês podem chamar alguém para acompanhar o noivo/noiva que se dirigir ao outro noivo/noiva. Pode ser a mãe, o pai, os tios ou um super amigo. Uma ideia é chamar alguém que apoiou a união homoafetiva desde o início.

casamento gay entrada altar
Fonte: pinterest

Para arrancar suspiros dos convidados (até dos que não eram tão a favor desse casamento), escolham uma música de entrada que, ao mesmo tempo, simbolize o amor de vocês e seja suficientemente romântica (melosa) — que tal?

E para a entrega das alianças (ou qualquer outro objeto que signifique o amor do casal), vocês podem optar pelos seus animais de estimação, ou alguém que vocês possuam grande afeto, incluindo os seus sobrinhos.

Look igual ou diferente?

Escolher o mesmo look para a cerimônia é um privilégio exclusivo do casamento gay. Assim, se o vestido ou os ternos forem iguais, o ideal é que vocês entre juntos para causar um impacto nos convidados. Lembre-se de que é provável que um de vocês terá que ceder ao gosto do outro para a escolha do traje (ou combinar o gosto de ambos).

Se escolherem looks diferentes, o interessante é que — no caso dos homens — vocês optem pelo mesmo estilo de roupa, ou ambos de terno ou de meio fraque, por exemplo.

Fonte: Pinterest

Onde realizar a cerimônia?

O casamento gay pode ser realizado em um lugar especial que possua alguma lembrança afetiva para o casal, seja na casa de um amigo, ou em algum pub, o que vale é estar com todas as pessoas que amam compartilhando essa alegria com vocês!

As cerimônias ao ar livre em meio à natureza exuberante, como praias, campo ou mesmo em parques públicos, são inesquecíveis e as fotos ficam incríveis!

O que escrever no convite?

No convite de casamento gay, o ideal é fazer com que os convidados sintam-se únicos e especiais. Além disso, pode-se utilizar de bastante humor nos convites. Nele é necessário especificar detalhes importantes sobre a festa, como local e vestimenta adequada, como uma prévia do que será a comemoração.

Ainda há a possibilidade do convite online, em que o casal pode gravar um vídeo ou áudio, demonstrando a importância do convidado estar presente na festa para celebrar um momento tão importante. Nesse caso, o vídeo pode ser enviado para as redes sociais dos convidados.

Fonte: stylemepretty.com

Quem convidar?

Convide as pessoas que sempre apoiaram a união de vocês, e que os façam sentirem bem e confortável. Exclua da lista de convidados todas as pessoas que considerarem tóxicas para o casamento, afinal é o dia de celebrar o amor!

E então, gostou do guia para organizar um casamento gay? Então leia também: O que é diferente na cerimônia de casamento homoafetivo?

GUIA PARA
NOIVAS SEM TEMPO
O “GUIA PARA NOIVAS SEM TEMPO” irá ajudá-la, de um modo muito fácil, a planejar sua festa de casamento durante o horário de trabalho sem perder em produtividade e, o mais importante, sem perder o emprego!
Promoção Salve a Noiva e JPlay