Planejamento

Quem paga o que numa festa de casamento?

A questão de quem paga o que numa festa de casamento pode criar muita confusão entre noivos e familiares. O primeiro ponto a ser pensado é que os pais dos noivos não têm a necessidade de se endividarem para pagar a festa dos filhos. Isso significa que os noivos podem (e devem!) custear boa parte o orçamento da festa.

Hoje não tem essa de o pai da noiva bancar tudo, como era antigamente. A maioria dos casais pagam tudo sozinhos mesmo. Agora, se existe uma disposição por parte das familias em ajudar, é diferente.

O melhor jeito de definir quem paga o que, é começar perguntando quem deseja e pode pagar o que. E anote tudo, pra não se esquecer depois!

Você também pode montar uma divisão de gastos, como o exemplo abaixo. É um só um modelo, que pode ser aperfeiçoado, claro.

Cada um deve se sentir livre para colaborar com o que preferir. Quando os noivos decidem fazer uma festa, sabem que grande parte do dinheiro virá do bolso deles mesmo…

Devemos assumir a responsabilidade pela realização dos nossos sonhos, incluindo-se aí a festa de casamento. Também não dá pra sonhar a vontade e assumir uma dívida maior que a capacidade de pagamento, e contar depois que o outro pague – seja lá quem for este outro. Até porque, as finanças mudam muito rápido… corre-se o risco de alguém prometer alguma coisa e depois, no momento de pagar, desconversar e deixar os noivos numa saia justa.

 

Cerimônia

A noiva e sua família começam pagando o enxoval. Antigamente era mais fácil, porque esta parte já era montada enquanto a mulher era novinha. Quando chegava a época do casamento, já estava tudo praticamente pronto! Mas não se empolgue, hoje não é mais assim.

Os noivos podem pagar pela igreja ou celebrante e outros detalhes da cerimônia. Geralmente, o noivo e seus familiares pagam também as alianças, o casamento civil e taxas das cerimônias.

Traje do casamento

A noiva e sua família pagam o vestido, o dia da noiva e os acessórios. Um detalhe que também dá muita confusão, são as roupas das daminhas. Os vestidos delas e dos pajens são pagos pela noiva. Se os pais das crianças quiserem pagar, tudo bem, mas a tradição é que este item seja pago pela noiva.

O noivo e sua família pagam pela roupa do noivo e pais. Os padrinhos são responsáveis pelas suas próprias roupas, incluindo sapatos, claro. Incluindo tudo, só pra deixar bem claro  Eles devem alugar e pagar no local escolhido pelo noivo. Se tiver algum acessório personalizado, quem paga é o noivo.

Flores e Decorações

A noiva e sua família pagam pelos arranjos florais para a cerimônia e a recepção, além do buquê dela, das daminhas e a flor de lapela do noivo e padrinhos.

Lua de mel

O noivo e a família pagam pela lua de mel completa, que não precisa ser planejada junto com a cerimônia. Os noivos podem viajar alguns meses depois, aliviando os gastos feitos com a festa. Outra opção para economizar é pedir cotas para a lua de mel, ao invés de presentes para a casa. Muitas agências de viagem fazem isso.

Fotografia

A noiva e a família pagam por todas as fotos e vídeos de casamento. Como em alguns pacotes oferecidos, o álbum não está incluso. Ele pode ser feito após a festa, ser pago pelos noivos e feitos meses após a cerimônia. Mais um “respiro” para o bolso.

Noivado e chás

A família da noiva oferece a festa ou jantar de noivado. Esta não é uma etapa obrigatória, muitos noivos não fazem.

Os chás são planejados pela noiva ou as madrinhas, e podem ser pagos por qualquer uma delas. Sabemos que muitas madrinhas planejam um chá de cozinha de surpresa, para ajudar a noiva que não tem condição e assim ganhar alguns utensílios para a casa nova.

Os padrinhos e amigos do noivo podem organizar e pagar a despedida de solteiro. Mas isso também pode ser feito e pago pelo noivo. Isso também não é um item obrigatório.

Recepção

A noiva e a família pagam por todos os serviços profissionais incluindo o buffet, doces, decorações e lembrancinhas.

A família do noivo paga pelo DJ ou banda, a iluminação e o bar de caipirinhas.

Impressos

A noiva sua família pagam pelos convites e outros impressos do casamento, como menus e tags de lembrancinha.

Transporte

A noiva e a família pagam pelo transporte da noiva até o religioso e depois da cerimônia para a recepção.

 

Para facilitar, os noivos podem pagar os valores mais altos, que são fechados até dois anos antes e pagos parceladamente, como o espaço de eventos, o buffet e a foto e filmagem. O restante, de valores menores, podem ser pagos pelos pais e quem mais quiser ajudar o casal.

Outra ideia para os que não tem pressa e já moram juntos, é fazer uma poupança para a festa de casamento. Tanto o casal quanto os familiares podem ir depositando uma quantia todo mês, previamente acordado entre vocês. Tendo o dinheiro na mão, o casal consegue investir mais, fazer pagamentos com bons descontos á vista e fazer uma festa com mais tranquilidade, sabendo que tudo está sendo pago com mais facilidade. É a melhor opção!

GUIA PARA
NOIVAS SEM TEMPO
O “GUIA PARA NOIVAS SEM TEMPO” irá ajudá-la, de um modo muito fácil, a planejar sua festa de casamento durante o horário de trabalho sem perder em produtividade e, o mais importante, sem perder o emprego!